Comece a investir hoje mesmo.
O Guiabolso traz as melhores corretoras para você.

Baixe o aplicativo, conecte sua conta e comece
a investir com condições exclusivas.

Gerencie todas as suas contas num só lugar

Soluções e gestão financeira para você

Dinheiro que rende

Quando você investe, seu dinheiro multiplica. Isso porque ele é corrigido em juros de acordo com o tipo de investimento escolhido.

Aposentadoria sossegada

Pare de trabalhar no tempo que planejou. Guardando e investindo seu dinheiro é mais fácil se organizar para ter o valor que precisa para sua aposentadoria.

Segurança contra imprevistos

Tenha uma reserva de emergência. Com opções de liquidez diária você consegue rendimentos maiores que os da poupança e pode sacar quando precisar.

Sonhos realizados

Alcance seus objetivos mais rápido. Além de proteger seu dinheiro da desvalorização, você pode chegar no valor que precisa com mais rapidez.

Experiência

Primeiro, você precisa fazer o cadastro gratuito e conectar suas contas e cartões. Com essas informações, é feita uma análise do seu perfil e momento financeiro de forma rápida e segura.  

Depois, entre na aba Soluções e clique em investimentos para receber as melhores opções de corretoras parceiras do Guiabolso para você. Pronto! Agora é só escolher a que te interessou, abrir sua conta e começar a investir.

Perguntas frequentes

Qual é a melhor corretora de investimentos?

Há alguns rankings disponíveis para consulta como a do Proteste e o da Yubb. Mas, você deve levar em conta taxas cobradas, variedade de produtos oferecidos, facilidade de navegação e movimentação da conta na plataforma da corretora e serviços diferenciados como assessoria especializada para entender qual seria a melhor corretora para você.

Como investir na bolsa de valores?

Dentro das opções de investimento na bolsa, você pode comprar ações diretamente ou investir em Fundos de Investimentos em Ações pela sua corretora. Também é possível comprar participação de Fundos de Índices, as chamadas ETFs, diretamente pela B3, ou participar de um Clube de Investimentos.

Como investir no tesouro direto?

Investir no Tesouro Direto é simples. Você precisa ter um CPF e estar cadastrado em um banco ou corretora autorizados a operar o Tesouro Direto. Em geral, na própria plataforma da corretora é disponibilizado os títulos para que você efetue o pedido de compra.

O Guiabolso possui investimentos?

O Guiabolso não funciona como corretora ou banco e por isso não possui investimentos disponíveis para a compra. No app, você encontra opções de corretora que tenham a ver com o seu perfil financeiro e estilo de vida.

Onde é mais seguro?

É seguro investir nas corretoras e bancos devidamente habilitados pelo Banco Central (Bacen). Você pode conferir se a instituição financeira é cadastrada no próprio site do Bacen. Quanto às aplicações, as mais seguras são as de renda fixa pois o rendimento é combinado no ato da compra. A maioria delas é protegida pelo Fundo Garantidor de Crédito (FGC). Caso aconteça qualquer problema com o emissor do título que você comprou, o FGC garante o valor investido e a rentabilidade gerada até o momento.

Qual o valor mínimo para começar a investir?

Tudo depende da aplicação em que deseja investir. Títulos do Tesouro Direto, por exemplo, pode ser comprados a partir de R$30,00 e ações da bolsa a partir de R$1,00.

Qual o tempo mínimo para o dinheiro ficar no investimento?

Para receber toda a rentabilidade na renda fixa, é importante deixar o dinheiro lá até o vencimento. No caso de aplicações da Bolsa, é uma escolha mais analítica de acordo com o mercado. Em todos os casos o que mais conta é o seu objetivo com o investimento.

Quanto o IR paga de cada investimento?

O desconto do Imposto de Renda é sobre a rentabilidade do seu investimento. Ou seja, não é descontado nenhum valor em cima do que foi investido. Os investimentos em renda fixa costumam seguir a tabela do IR que se inicia em 22,5% para até 6 meses e chega a 15% após 2 anos. A cobrança nos fundos de investimento aberto varia de fundo para fundo. Os fundos de ações, você só paga no resgate uma taxa de 15%. Já os fundos de longo e curto prazo são cobrados sempre que há valorização da cota comprada. Nos de curto é utilizada a mesma tabela da renda fixa e nos de longo o imposto fica em 20% a partir de 6 meses. Por última, as tramitações feitas na bolsa de valores tem recolhimento de imposto sempre que há ganho líquido e as taxas variam dependendo do investimento.

Qual o risco do meu dinheiro ficar preso?

Quando você compra uma aplicação, a corretora especifica como é o pagamento do resgate. Ele aparece no campo de liquidez. Investimento de liquidez diária, D+0, podem ser resgatados no mesmo dia, por exemplo. Já investimentos em bolsa de valores, como ações, dependem que se encontre um comprador.

A taxa da corretora é menor que a do banco?

As corretoras geralmente não cobram para abertura de conta, e algumas até isentam taxas para operar o Tesouro Direto e outros produtor de renda fixa, saindo em vantagem em relação aos bancos.

NOSSO COMPROMISSO COM NOSSOS USUÁRIOS

Aqui seus dados estão seguros e só são compartilhados quando você autoriza

As informações que fornece aqui só são compartilhadas com a sua autorização e exclusivamente para o fim contratado por você. Essa permissão dá acesso apenas de visualização de dados e não é possível fazer qualquer movimentação nas suas contas.

Porquê conectar suas contas
Os dados das suas contas e cartões são usados para analisar as suas movimentações nos últimos 3 meses e compreender seu momento financeiro. Com isso, são levantadas as melhores ofertas de crédito para você de uma forma rápida, segura e descomplicada.

Nível de segurança
O Guiabolso está adequado às normas previstas na Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) e utiliza protocolos de segurança tecnológica de nível bancário.