Glossário

O Glossário Financeiro do Guia Bolso explica os termos financeiros mais usados. Nosso objetivo é te ajudar a entender sua vida financeira.

SELIC

 

Você já deve ter se perguntado o que significa a SELIC, que é citada tanto canais de televisão, jornais, revistas e portais da internet. Essa sigla é uma contração de Sistema Especial de Liquidação e Custódia, que foi concebida em 1979 por meio de uma parceria entre o Banco Central (BACEN) e a Associação Nacional das Instituições do Mercado Aberto (Andima). Teve como objetivo, em seu processo de criação, tornar mais transparente e seguro o processo de negociação de títulos federais.

Também conhecida como taxa básica de juros da economia brasileira, a SELIC é definida nas reuniões realizadas, mensalmente, pelo Comitê de Política Monetária do Banco Central (ou simplesmente Copom).

Nesses encontros, aguardados com ansiedade por especialistas econômicos e jornalistas especializados, são debatidos vários fatores que influenciam direta e indiretamente na economia nacional. Ao término das reuniões, a SELIC para um determinado período é definida.

Se você está curioso para saber como é o processo de formação da taxa básica de juros da economia, acompanhe as informações abaixo.

A equipe econômica, nomeada pelo governo em exercício, analisa as perspectivas da inflação, os preços de commodities e as taxas de juros de nações desenvolvidas. Com isso feito, consegue nortear a economia para que seja cumprida a meta de inflação para o ano.

Na medida em que o governo estabelece uma meta inflacionária, pode alterar a taxa básica de juros para inibir o consumo ou estimulá-lo. Caso a inflação esteja em alta, o consumo é reprimido para que a pressão sobre os preços seja, enfim, enfraquecida.

Baixe agora o aplicativo de
guia financeiro do GuiaBolso!

Baixe na AppStore Baixe na Google Play