Glossário

O Glossário Financeiro do Guia Bolso explica os termos financeiros mais usados. Nosso objetivo é te ajudar a entender sua vida financeira.

Juro simples

 

Comum no dia-a-dia de qualquer pessoa deste mundo, os juros estão presentes em qualquer tipo de aplicação, seja em um empréstimo, em uma compra a prazo e até quando alguma fatura está atrasada. Existem vários tipos, mas vamos entender, primeiramente, o que é o juro simples.

Basicamente, juro simples é um acréscimo somado ao capital empregado inicialmente percebido no final de um investimento (aplicação, compra etc.). Essa modalidade rege que os juros incidirão somente sobre a quantia principal, ou seja, sem interferências, sem a aplicação de juros sobre juros.

Ainda não entendeu o raciocínio proposto? Bem, imagine você comprando uma bicicleta por um valor de R$ 500,00, com aplicação do regime de juro simples e com índice de 1% ao mês, durante seis meses. Sabe sugerir qual seria o temido custo final?

Para saber o montante ao final do processo, você deve conhecer as fórmulas padrões para o cálculo, bem como o que cada parte dela representa.

J = juros

C = capital

i = taxa de juros

t = tempo de aplicação (diário, semanal, mensal, bimestral, anual etc.)

Fórmula: M = C + J

M = montante final

C = capital

J = juros

Agora que já sabe a formatação da fórmula, vamos aplicar?

Capital: 500 (valor)

i = 1% = 1/100 = 0,01 ao mês

t = 6 meses

J = C * i * t

J = 500 * 0,01 * 6

J = 30

M = C + j

M = 500 + 30

M = 530

Portanto, você pagará R$ 530 ao final de todo o parcelamento.

Baixe agora o aplicativo de
guia financeiro do GuiaBolso!

Baixe na AppStore Baixe na Google Play