Glossário

O Glossário Financeiro do Guia Bolso explica os termos financeiros mais usados. Nosso objetivo é te ajudar a entender sua vida financeira.

Dívidas com agiotas

Quem está endividado sabe como é difícil a situação. Quem tem dívidas com agiotas, então, mais ainda. É bom saber que a situação legal dos agiotas não é tão confortável assim. A agiotagem é crime, porém, a constatação não anula a validade do contrato de empréstimo.

Sabe-se que as dívidas com agiotas são reajustadas com as maiores taxas de juros do mercado. Este é o maior problema de quem está nesta situação. Quem pediu empréstimos de agiotas para pagar dívidas no banco, por exemplo, e viu piorar ainda mais suas finanças pessoais precisa tentar renegociar as taxas de juros junto aos credores. Os juros são abusivos e tão ilegais quanto a agiotagem em si. Portanto, se você tem dívidas com agiotas, não se intimide com a atitude arrogante, mas vá com cuidado.

Um próximo passo após a renegociação das dívidas é tentar aumentar sua renda: trabalhar no fim de semana ou fazer bolos e docinhos para vender no trabalho podem fazer uma diferença no fim do mês.

Se você não conseguir negociar as taxas de juros das dívidas com agiotas, pode tentar emprestar dinheiro a juros mais baixos de outra fonte. Por exemplo, se você paga sua dívida a 15% ao mês ao agiota, pode quitá-la emprestando a mesma quantia por 10% ao mês. Você se livra do agiota e, pelo menos, reduz o crescimento da dívida.

Procure escolher uma fonte legal para este segundo empréstimo e, de qualquer forma, mantenha o objetivo de aumentar sua renda mensal.

Baixe agora o aplicativo de
guia financeiro do GuiaBolso!

Baixe na AppStore Baixe na Google Play