Glossário

O Glossário Financeiro do Guia Bolso explica os termos financeiros mais usados. Nosso objetivo é te ajudar a entender sua vida financeira.

Compensação de cheque modernizada

Quem passa um cheque sabe que ele precisa ser compensado: assinatura conferida, um banco pagando ao outro, prazos de compensação de até uma semana, etc. Até agora, este procedimento era feito de maneira manual, mas, com o advento da compensação de cheque modernizada, tudo mudou. O COMPE (Centralizadora de Compensação de Cheques) adotou há algum tempo o sistema de Compensação Digital por Imagem, utilizando os benefícios da tecnologia com muitas vantagens. Além de diminuir o tempo do processo, a Compensação de cheque modernizada reduz os gastos com transporte, pois o sistema elimina as trocas físicas. Nele, os cheques são digitalizados. Para garantir a integridade, recebem um certificado digital chamado ICP-Brasil.

O funcionamento é o seguinte: o banco que recebe o cheque capta as informações através do código de barras e procede com a digitalização do documento. Esta digitalização gera um arquivo que, após ser certificado com o selo ICP, é enviado diretamente para a Câmara de Compensação, operada pelo Banco do Brasil, que o processa e envia o resultado para o banco de origem. Por sua vez, este lê as informações e responde ao sistema de compensação de cheque modernizada, autorizando o pagamento. Tudo isto sem que o cheque tenha de sair do banco onde foi entregue.

Com a compensação de cheque modernizada, onde o transporte dos cheques não é mais necessário, estima-se que os bancos economizem R$ 250 milhões por ano. Assim, quem recebe pagamentos em cheque não precisa mais esperar tanto tempo para ver o dinheiro entrar na conta.

Baixe agora o aplicativo de
guia financeiro do GuiaBolso!

Baixe na AppStore Baixe na Google Play