Glossário

O Glossário Financeiro do Guia Bolso explica os termos financeiros mais usados. Nosso objetivo é te ajudar a entender sua vida financeira.

Cancelamento de cartão de crédito com dívidas

Muitas pessoas não sabem, mas o cancelamento do cartão de crédito com dívidas é possível. Na verdade, estamos falando de duas coisas diferentes: uma é a quitação do valor cobrado e a outra é o cancelamento do cartão de crédito com dívidas ou não.

O cancelamento tem de ser aceito pela administradora de qualquer forma: em contrapartida, o portador do cartão deve declarar que está ciente da dívida. O procedimento correto é enviar uma carta AR (ou seja, com aviso de recebimento) ao banco ou à administradora, comunicando o cancelamento do cartão de crédito com dívidas. Tanto o cancelamento quanto a declaração de que está ciente do saldo devedor (mora) devem constar no conteúdo da carta. O aviso de recebimento é a prova de que a carta foi enviada na data respectiva e pode ser usada em processos judiciais no caso de insistência por parte da administradora.

O cancelamento do cartão de crédito com dívidas pode ser a solução contra a chamada “bola de neve”, na qual se transforma o pagamento parcial quando está sob a ação dos temidos juros compostos. Uma vez cancelado o cartão, sua dívida para de crescer, pois os juros de contrato (que chegam até a 10% ao mês) não podem mais incidir sobre o montante. Após o cancelamento, valem somente os juros de mora (1% ao mês), além da correção monetária calculada pelo IPGM.

Caso não haja reação à carta por parte da administradora, o consumidor pode entrar com ação judicial, junto ao Juizado de Pequenas Causas, e reivindicar seus direitos, incluindo taxas de juros corretas. Além disto, pode-se solicitar que a administradora não inclua o nome do titular no registro de restrição ao crédito.

Baixe agora o aplicativo de
guia financeiro do GuiaBolso!

Baixe na AppStore Baixe na Google Play